Os 3 gatilhos para mudar de vida – A Aventura

A aventura é o segundo gatilho da mudança de que vos vou falar hoje e é o meu preferido. Aliás, na minha opinião, é mesmo o mais divertido e o que torna esta coisa de mudar de vida mais entusiasmante. Mas, claro, isto simplesmente porque é o que se enquadra melhor com o meu tipo de personalidade. Bem sei que para determinados perfis a diversão encontrada neste processo não é muita.

Sim, porque isto de mudar de vida tem muitas coisas boas, mas quando estamos no meio do processo, seja com que gatilho for, não vamos andar a nadar num mar de rosas. Mudar de vida exige ter de sair da nossa zona de conforto e, tal como o nome indica, vamos ter de viver desconfortáveis durante um tempo. Se isso é motivo para não mudarmos, creio que não. Até porque como mencionei no artigo anterior, quando a mudança nos quer de nada nos adianta não a querermos a ela.

Mas passo a explicar no que consiste a Aventura como gatilho para mudar de vida.

Começo por usar o meu próprio exemplo que creio tornar muito fácil entender o que é isto. Mudar de vida através da aventura foi exatamente aquilo que eu fiz quando decidi ir fazer a minha viagem a solo pelo mundo. Ou seja, eu saí completamente da minha zona de conforto, coloquei-me num ambiente novo, diferente e estranho para mim e deixei-me viver todos os dias de uma forma nova e intensa. Todos os dias quando me levantava de manhã não fazia ideia do que me reservava o dia, estava constantemente em contacto com o desconhecido. E isto inevitavelmente provoca mudança.

Provavelmente, já vos aconteceu ou já ouviram alguém dizer que quando faz uma viagem para um país com uma cultura mais diferente da nossa, volta mudado. É mesmo verdade. E agora imaginem essa situação por um período longo. Eu mudei, mudei mesmo. Embora quisesse mesmo uma transformação quando decidi fazer a viagem, confesso-vos que enquanto estava lá não tinha consciência que estava a mudar. Até que um dia olhei para trás, olhei para mim, para a minha maneira de pensar e, sobretudo, de sentir e percebi que tinha efetivamente mudado, tinha mudado mesmo muito. E se eu me tinha transformado uma pessoa diferente, obviamente ia fazer com que toda a minha vida mudasse também.

Basicamente, podemos dizer que a Aventura é tudo aquilo que tu fazes por escolha própria que te coloca de uma forma brusca numa situação nova e diferente e que te exige uma rápida adaptação. Diria que tudo o que é uma mudança grande de ambiente.

Portanto, sim, a aventura é uma excelente forma de mudar.
Mas obriga-nos a viver um período constante fora da nossa zona de conforto. Estamos em constante adaptação à mudança e isso também provoca dor. Considero que este gatilho à semelhança da crise também ajuda a mudar de vida de forma mais rápida, pois conseguimos aprender de forma muito intensa. Aprendemos mais em menos tempo.

No entanto, ao contrário da crise, é algo provocado por nós mesmos. Quando nos colocamos numa situação de aventura já sabemos o que nos espera e já sabemos que não vai ser tudo lindo e maravilhoso. É um processo que tem as suas dores. Logo, para todos aqueles que detestam sair da sua zona de conforto, talvez não seja o modo ideal para mudar de vida.

Se esse é o teu caso, creio que vais gostar de saber mais sobre o gatilho que vou apresentar no próximo artigo. Fica atento 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ebook - Como Ganhar Segurança para Mudar de Vida

E-BOOK GRATUITO
COMO GANHAR SEGURANÇA PARA MUDAR DE VIDA

Subscreve a newsletter para receberes o e-book.